Guarda Municipal intensifica ações de combate ao abigeato

Nas duas últimas semanas, o município não registrou nenhuma ocorrência

Devido ao aumento das ocorrências de crimes de abigeatos (furto de gado para abate) nas áreas rurais do município desde setembro de 2021, a Prefeitura de Gravataí, por meio da Guarda Municipal (GM), vem intensificando ações de combate a este delito a partir de reuniões com a comunidade civil. As ações já podem ser consideradas exitosas. Nas últimas duas semanas não foram apresentadas novas ocorrências na cidade.

A subcomandante da GM, Cibele Bitelo, ressaltou que já eram feitos patrulhamentos nas regiões agrárias, no entanto, com a demanda crescente de furtos, as forças de segurança passaram a intensificar as buscas. Desde então, a GM já realizou algumas abordagens, uma prisão e uma apreensão de materiais sem procedência. “Nós, a Brigada Militar e todos os órgãos de segurança, estamos empenhados nas ações, para que, de alguma forma, possamos amenizar o sofrimento daqueles que têm o gado como seu sustento”, destacou.

O Grupamento Ambiental (GAM) da Guarda Municipal de Gravataí também está atuando no combate aos abigeatos, com o apoio de outros grupamentos. Em parceria com a Vigilância Sanitária do município, a GM inspeciona locais que mantêm ou comercializam produtos alimentícios de procedência duvidosa.

Na noite de 13 de julho, em Gravataí, ocorreu o primeiro encontro integrado das Forças de Segurança Pública de Gravataí e Glorinha – Polícia Civil, Brigada Militar e Guarda Municipal –, na Costa do Ipiranga. Uma semana depois, o segundo encontro ocorreu na EMEF Antonio Aires de Almeida. Em ambas as ocasiões, os agentes de segurança ouviram os relatos da Associação dos Moradores da região e de vítimas de crimes na zona rural, especialmente dos bairros Cadiz e Barro Vermelho.

O comissário da Delegacia de Polícia de Glorinha, Nelson Hickmann, elogiou a iniciativa dos moradores das áreas rurais: “São pessoas experientes e com grande conhecimento dos fatos que ocorrem na região”. O objetivo é fazer com que os moradores dessas localidades, em articulação com agentes de segurança, intensifiquem o combate ao abigeato.

Durante a 8ª Feira Agrorrural e Turística de Gravataí (Fearg), o prefeito Luiz Zaffalon coordenou uma reunião entre as forças envolvidas no combate a esse tipo de crime. Conforme Cibele, um dos focos serão os estabelecimentos que comercializam carne e outros derivados. “Se tem abigeatos, tem receptadores”, salientou. A operação contará com diversos órgãos, como a Vigilância Sanitária, as secretarias municipais de Desenvolvimento e Turismo (SMDET) e do Meio Ambiente, Sustentabilidade e Bem-Estar Animal (Sema), Brigada Militar, Polícia Civil e a Delegacia Municipal de Glorinha.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Publicidade