grupo de investidores do PradoTech é lançado

O prefeito Luiz Zaffalon, acompanhado pelo vice-prefeito Dr. Levi Melo, participou, na noite de segunda-feira (25/4), do lançamento do grupo de investidores do PradoTech, realizado no Espaço Parador del Prado, no Prado Bairro-Cidade, em Gravataí. A iniciativa é fruto de uma parceria entre a Prefeitura de Gravataí, a Aceleradora Ventiur e o parque tecnológico PradoTech, com foco no desenvolvimento de startups da região.

“É com grande satisfação que participamos deste empreendimento. Temos que mudar o cenário da cidade, criando novas alternativas para a população e esta é uma grande oportunidade para isso”, ressaltou Zaffalon.

Na ocasião, o prefeito lembrou o empenho do governo municipal para implementar uma secretaria especializada em Ciência, Inovação e Tecnologia, o que é muito importante para o desenvolvimento deste novo mercado, que possui grande potencial na geração de empregos e renda para a cidade.

Junto com isso, Gravataí também está investindo na capacitação de jovens para atuarem neste mercado, que carece de mão de obra especializada, por meio de programas como o Usina de Talentos. Estas atividades, estão permitindo que centenas de alunos da rede municipal tenham acesso a cursos de capacitação nestas áreas.

No evento, o ex-prefeito de Gravataí Marco Alba lembrou das tratativas para a implementação do que, hoje, se transformou no PradoTech – em uma reunião que ocorreu em setembro de 2019, o então prefeito, aproximou os representantes da AGTI com o empresário Carlos Johannpeter, sócio-diretor da Domus Populi, gestora do projeto de construção do Prado. “Nosso sonho se tornou realidade”, disse.

De acordo com a titular da Secretaria Municipal de Inovação, Ciência e Tecnologia (SMICT), Selma Fraga, Gravataí tem uma base legislativa e institucional muito sólida e moderna, o que favorece o desenvolvimento destes novos negócios, impulsionando a economia do município. “Nossa legislação é moderna e estamos permanentemente nos adaptando para estar nesse mercado, que trará muitos benefícios para a cidade.”

No local, o presidente do Instituto Prado, Carlos Gerdau Johannpeter, ressaltou a alegria de estar em Gravataí, com um governo que apoia o desenvolvimento da educação. Já a CEO do PradoTech, Susana Kakuta, destacou a importância deste projeto para alavancar startups de alta qualidade tecnológica.

Durante o evento, o CEO da Ventiur, Sandro Cortezia, apresentou o trabalho da aceleradora neste mercado de inovação que possibilitou o desenvolvimento de mais de 70 startups, a partir de uma rede que conecta negócios e investidores, composta por mais de 100 mentores, 250 investidores e diversas instituições especializadas nesta área.

Sobre o grupo de investidores

O Grupo atuará como o braço de investimentos do PradoTech, empreendimento lançado em dezembro passado, que espera atrair 120 empresas âncoras e startups. O veículo de investimento selecionará startups em fase de validação e tração, com objetivo de investir entre R$ 200 mil e R$ 1 milhão em cada uma.

Serão buscados negócios de setores como Tecnologia da Informação, Comunicação e Convergência Digital, Inteligência Artificial e Internet das Coisas (IoT), Novos Materiais, EdTechs, Nano e Biotecnologia, Robótica, Indústria 4.0, Logística 4.0, Govtechs e Deeptechs. O primeiro processo de seleção e aporte deve ocorrer já no segundo semestre de 2022.

Durante o evento, estiveram presentes o vice-prefeito Dr Levi. Melo, o secretário municipal da Fazenda, Planejamento e Orçamento (SMFPO), Davi Severgnini, e representantes de empresas, instituições e empreendedores locais.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Publicidade