Delegada de Polícia fala sobre atuação em Santo Antônio da Patrulha

A Delegada de Polícia Tatiana Barreira Bastos está atuando na Delegacia de Polícia de Santo Antônio da Patrulha no primeiro período da Operação Verão, desde o dia 18 de dezembro, até o dia 25 de janeiro no lugar do delegado Valdernei Tonete que se afastou para uma cirurgia, mas que deverá retornar em breve.
“Minha atividade está focada na remessa de procedimentos, principalmente os ao Poder Judiciário”.
Ela, que tem, além do efetivo local, o apoio de mais dez agentes da Polícia Civil, quer dar vasão aos procedimentos mais antigos e que estão em curso na Delegacia de Polícia, além de também remeter ao Poder Judiciário todos os procedimentos que ingressarem no período.
Ao mesmo tempo, a delegada Tatiana pretende desenvolver algumas operações de repressão mais qualificada, especialmente no que se refere ao tráfico de drogas no município e também de proteção aos grupos vulneráveis que têm sido o foco do nosso trabalho.

OPERAÇÕES

Tatiana revela que foi feita no começo deste ano a primeira operação sob sua coordenação, utilizando todos os agentes policiais disponíveis, bem como o efetivo da Casa que conhece bem a região, tendo sido vistoriados estabelecimentos comerciais, principalmente bares, onde foi informada do histórico de venda de bebidas alcoólicas e de entorpecentes, sendo também visitados pontos de tráfico, mostrando que a Polícia Civil está vigilante e fortemente atuante no combate ao tráfico de drogas.
Também já constatou existirem alguns inquéritos em andamento, principalmente de homicídios, onde percebe uma forte conexão com o tráfico, associação ao tráfico e até com organizações criminosas. Trata-se, como disse, de um trabalho bastante coordenado e ordenado que a Polícia está efetuando.
A delegada Tatiana atua no Departamento de Proteção a Grupos Vulneráveis da Polícia Civil, sendo colega de turma da delegada Nadine, chefe de Polícia do Rio Grande do Sul e que já atuou em Santo Antônio. Tatiana explica ser um departamento bastante recente, datado de janeiro de 2019, quando Nadine saiu para ser a Chefe de Polícia. “É necessário muito cuidado nesse trabalho que é especialmente voltado aos grupos vulneráveis. Assumi em 2019 a Divisão de Proteção à Mulher, indo para aquele departamento a fim de cuidar do assessoramento, focando na população idosa, na criança e no adolescente, sendo uma das primeiras delegacias do gênero no Rio Grande do Sul”.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Nosso canal no WhatsApp
Publicidade