Daiçon recebe segunda dose e fala sobre importância da vacinação

O ex-prefeito Daiçon Maciel da Silva comemorou o recebimento da segunda dose da vacina contra a Covid-19 e logo após, disse que a vacina é a arma mais potente para enfrentar este terrível inimigo invisível, que além de não perdoar vidas, ainda se camufla com as suas variantes de acordo com o ambiente de luta. “Os efeitos da Pandemia são tão maléficos, à medida que avança, que posso exemplificar com o caso de SAP: Em 31/12/2020, ao sair do governo do município, tínhamos registrados 58 óbitos, isto é, em 9 meses e 15 dias, a contar de 15/03/2020, início da Pandemia.”
Acrescenta o ex-prefeito que agora, meados do mês de abril de 2021, pouco mais de três meses do novo governo, é registrado um total de 120 óbitos, o que significa dizer que somente em três meses o número de mortes duplicou em relação ao período de nove meses do ano de 2020.

FALTA CONSCIENTIZAÇÃO

Com esse quadro avassalador no município, embora todas as precauções tenham sido tomadas pela atual administração, ainda se observa que não há uma conscientização efetiva por parte da população em se preservar do vírus, principalmente pelos mais jovens, fazendo festas, aglomerações e desrespeitando o uso da máscara.
E frisa Daiçon: “A vacina é o único meio de conter o contágio e, nesse sentido, quero parabenizar os governos federal, estadual e do município por estarem, adequadamente, ampliando a aplicação da vacina”.
Finalizando, Daiçon disse acreditar que todos aqueles que até agora foram vacinados, sentem uma sensação de alívio e agradecem por terem ficado vivos e com a expectativa de viver por um tempo maior. “Que a vacina chegue a todos rapidamente para que os patrulhenses possam continuar usufruindo os prazeres de família e também dos amores pela nossa terra e nossa gente.”

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Nosso canal no WhatsApp
Publicidade