Vândalos atacam 17 paradas ao longo das avenidas Dorival, Ely Côrrea e José Bonalume

Na madrugada de quarta-feira, 14, 17 paradas de ônibus foram alvos de vandalismos em Gravataí. Ao longo das avenidas Dorival Cândido Luz de Oliveira, Ely Corrêa e José Bonalume (ERS 020). Nas proximidades do bairro Morada do Vale, é possível ver os danos causados nos abrigos após a quebra de vidros. De acordo com a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semurb), o prejuízo deve chegar a 50 mil reais, levando em consideração todos os vidros que foram quebrados.

Em busca de identificar os autores, a Prefeitura de Gravataí, por meio da Guarda Municipal (GM), tem auxiliado, com o fornecimento de informações e disponibilização de imagens, tanto a Policia Civil quanto a Brigada Militar, já que ambas também trabalham na investigação. Ações semelhantes a esta têm acontecido não somente em Gravataí, mas também em outras cidades da Região Metropolitana. O prefeito Luiz Zaffalon fez um apelo para que a comunidade denuncie, caso tenha presenciado alguns destes atos.

“Nós temos recebido, nas nossas redes sociais, muitos relatos de pessoas inconformadas com as depredações. O que aconteceu é inadmissível. Fica aqui o meu pedido a todos para que cuidem e zelem pelo patrimônio que é de todos ”, solicitou Zaffa.

No total, Gravataí possui 90 abrigos novos, que foram instalados ao longo do último ano. Um investimento de mais de 900 mil reais, que começou no governo do ex-prefeito Marco Alba e segue sendo realizado.
“É um dano ao patrimônio público no qual teremos que deixar de investir em outras melhorias para consertar as paradas danificadas”, explicou o secretário municipal de Mobilidade Urbana, Adão de Castro.

Para o senhor Renato Rodrigues, de 70 anos, vendedor de balas, água e máscaras, na parada 59, “o que aconteceu foi uma barbaridade”. Com o intuito de promover mais segurança aos usuários, ele colocou uma faixa de isolamento no lado onde o vidro está quebrado e uma placa com a inscrição “perigo”.

O aposentado conta que tomou essa iniciativa ao perceber que as pessoas estavam sentando no local e que o vidro poderia vir a causar algum acidente.

Segundo o secretário municipal de Mobilidade Urbana, Adão de Castro, na tarde de quinta-feira, 15, os locais começaram a ser limpos para que não haja incidentes e perigo para os usuários.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Nosso canal no WhatsApp
Publicidade