Promotora Regional de Educação elogia o trabalho da SEMED de retorno às aulas

A Promotora Regional de Educação, presente à reunião em Santo Antônio promovida pela secretária Josélia Maria Lorence Fraga, qualificou o encontro como extremamente importante, pois hoje se pode ver que muitos componentes estão comprometidos, apresentando um planejamento sério e muito cauteloso, mas necessário para o retorno às aulas.
A dra. Cristiane Della Méa Corrales afirmou que no ano passado a Educação também teve que parar, mas deixou claro que essa suspensão das aulas presenciais não pode continuar. “Inclusive comentamos que os municípios da região do Litoral devem reorganizar-se de uma forma muito responsável, baseada em dados da sua realidade local e que façam esse planejamento com muita cautela e com todo o necessário para dar segurança aos trabalhadores e aos alunos, mas que de forma gradual, o quanto antes possível, ocorra o retorno de nossas aulas presenciais”.

PROCESSO DE RETORNO É URGENTE

A Promotora disse não saber quando se chegará aos cem por cento de alunos presenciais, “mas precisamos iniciar esse processo de retorno, procurando saber as suas necessidades, vamos fazer adequações, mas do ponto de vista do aprendizado do aluno que no ano passado os professores se esforçaram tanto para segurar, que este ano no espaço escolar e na presença do professor se retome essa prática para que possamos ter uma qualidade melhor de ensino para os nossos alunos”.

SE DEMORAR MUITO PREJUÍZO

Referindo à afirmação do prefeito Rodrigo Massulo, quando disse que se houver um prolongamento maior do reinício das aulas, haverá prejuízos irreparáveis na Educação, Cristiane Corrales salientou que “tivemos uma nova realidade. Tivemos que utilizar no ano de 2020, novas ferramentas, inclusive plataformas digitais, alcançar os trabalhos impressos aos alunos, sendo um ano em que os professores tiveram que encontrar os meios possíveis para garantir algum aprendizado ao estudante, alguma tarefa escolar. Mas não é o ideal. Sabemos que hoje conhecemos um pouco mais desta doença e o Poder Público já está mais preparado para este retorno presencial. Então é o momento de planejá-lo como Santo Antônio está fazendo e agora vai colocá-lo em prática, de uma forma gradual, obedecendo à legislação sanitária de saúde a nível estadual e federal com todo o necessário para garantir a segurança dos alunos e das equipes das escolas”.
Por fim, dirigiu um apelo às famílias no sentido de que se sintam acolhidas pelas escolas e se sintam seguras para encaminhar seus filhos na medida em que a escola for sinalizando que é possível recebê-los. “Com certeza vamos recuperar muito do aprendizado do ano passado agora no início de 2021. Vão ser feitas avaliações para verificar o nível em que os alunos estão e aí vai ser feito um planejamento muito particular para este ano, retomando algum ensinamento de 2020 e reforçando o que for necessário, prosseguindo com o conteúdo de 2021 e até de 2022 no sentido de reparar alguma falha que possa ter acontecido por conta da pandemia em 2020”, concluiu a Promotora Regional de Educação Cristiane Della Méa Corrales.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Nosso canal no WhatsApp
Publicidade