Patrícia Alba e Fundação Telefônica Vivo estudam parceria para qualificar ensino a distância em Gravataí

Proposta foi apresentada pela entidade nesta segunda (10) e contou com a participação da secretária municipal de Educação, Sonia Oliveira

Um projeto da Fundação Telefônica Vivo, voltado para a qualificação do ensino a distância, foi apresentado à rede municipal de Educação de Gravataí, na manhã desta segunda-feira (10). A parceria foi proposta a partir de uma intermediação feita pela deputada estadual Patrícia Alba (MDB) e pelo advogado e consultor da Fundação dos Bancos Sociais da FIERGS, Marcino Fernandes Rodrigues Júnior, e prevê a implementação de cursos on-line para alunos com inovações no conteúdo e na metodologia pedagógica.

Segundo a deputada Patrícia, a intenção é proporcionar à criança e ao jovem um ambiente que alinhe cada vez mais a formação básica com o mercado de trabalho.

“O mundo está mudando, e por isso é importante que as nossas escolas estejam em sintonia com essas mudanças. Ou seja: fazendo o uso da tecnologia e das ferramentas em sala de aula. Isso qualifica o ensino, mas também deixa ele muito mais atrativo a uma criança ou jovem em processo de ensino-aprendizagem”, considera a deputada.

A expectativa é de que nos próximos dias seja assinado um termo de cooperação e trabalho entre a Secretaria Municipal de Educação e a Fundação Telefônica Vivo. Atualmente, todas as escolas da Rede Municipal possuem fibra óptica, o que viabiliza a prática dessas atividades, também, no retorno às aulas presenciais.

Considerada o braço de responsabilidade social da Vivo, a Fundação Telefônica Vivo desenvolve projetos na área da educação há mais de 20 anos. Através da tecnologia, investe na formação e fluência digital, na inovação da prática pedagógica e na difusão da cultura do empreendedorismo social e do ensino de programação, tanto para alunos quanto para educadores.

Também estiveram presentes o presidente da Fundação Telefônica Vivo, Américo Mattar; a secretária municipal de Educação, Sonia Oliveira; entre outras autoridades e técnicos da Educação.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Nosso canal no WhatsApp
Publicidade