Mônica, nossa patrulhense em Tóquio em busca de novas vitórias

Ela está preparando as malas para a longa viagem à Tóquio. No dia seis, Mônica da Silva Santos embarca para São Paulo e de lá, para a capital japonesa em busca de medalhas na Paralimpíada de Tóquio.
Figurando entre as 10 melhores do mundo no esporte da Esgrima, ela leva consigo o entusiasmo e a fé no sentido de que terá uma boa performance no esporte que abraçou em 2010, quando decidiu trocar o basquete em cadeira de rodas por esta atividade. “E desde o primeiro treino, me apaixonei e vi que tinha tino para a esgrima”, revela Mônica, que ganhou renome internacional, não apenas pelo esporte que pratica, mas pela lição de vida que busca passar à todos de que, vale a pena, sim, curtir uma gravidez, mesmo que com riscos para a sua saúde, mas para que possa embalar um ser pequenino que hoje, com 18 anos, é a alegria dos pais e realização como mãe que Mônica teve ao dar à luz à Paola, mesmo sabendo que ficaria paraplégica para o resto da vida.

A PAOLA
Seis meses depois de ter sido acometida pela imobilização dos membros inferiores (“dormi bem e acordei já sem o movimento das pernas”), ela, que sempre soube que a gravidez poderia deixá-la em uma cadeira de rodas, afirma que voltou a ter vida própria, atuando de maneira independente, voltando a estudar, trabalhar e ser dona de si mesma, mas sem nunca deixar de reconhecer o carinho e o amor que seu marido e a filha Paola têm por ela. “Agradeço a Deus porque ele colocou dois anjos em minha vida”, afirma a atleta.

O DIA A DIA
Seu dia a dia tem sido muito corrido, especialmente em virtude da pandemia quando teve um ano apenas com treinos em casa, com orientações online. Agora voltou a ter suas viagens diárias para Porto Alegre, para onde vai, de segundas a sextas-feiras em seu próprio carro.
E foi através deste esporte que ela conquistou o mundo, já tendo viajado por diversos países, sempre trazendo medalhas para casa.

ORGULHO POR SUA TERRA E FÉ EM DEUS
Um pormenor muito importante: A atleta tem tanto amor pelo Brasil e sua terra, que afirma jamais pensar em trocar seu torrão natal por outro país. Deixa bem claro que honra sua terra, manifestando orgulho pela localidade onde nasceu, Morro Grande e para onde pretende retornar após se aposentar.
E tudo isso tem um combustível fundamental em sua vida: a Fé em Deus à quem sempre se mostra agradecida por tudo quanto conseguiu conquistar na vida.
Nas próximas edições estaremos falando mais sobre a atleta patrulhense que, em sua cadeira de rodas tem dado a volta ao mundo, dando um grande exemplo de superação.

PATROCINADORES
Mônica Monstrinha, como ela própria se define, convida à todos para que a acompanhem nas redes sociais em sua trajetória em terrras japonesas.
E manifesta reconhecimento e carinho pelos que a estão patrocinando:
• Agropet Várzea;
• Blake Store;
• DaColônia;
• Estética Grasi Fashion Hair;
• Hotel Ecovilly;
• MegaFilmes Pró;
• Pavane;
• Praia Norte Seguros;
• Rodasul;
• QualiCoco e
• Vida Rara Center.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Publicidade