Gravataí prepara a execução da nova fase do Procoletivo

Após reduzir a tarifa de ônibus para o valor mais baixo da Região Metropolitana – de R$ 4,80 para R$ 3,75 – e implementar a nova versão do aplicativo Time Bus, que permite que passageiros acompanhem o trajeto de todas as linhas de ônibus que atendem o município, em tempo real, a Prefeitura de Gravataí prepara a execução da nova fase do Programa Municipal de Reestruturação e Qualificação do Sistema de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros (Procoletivo).

Nesta segunda etapa, denominada como Planejamento da Operação do Sistema, está previsto, de imediato, a retomada das linhas que atendem as escolas municipais e estaduais. Além disso, nas próximas etapas da retomada, que deverá ocorrer ao longo dos próximos meses, será realizado o desmembramento das linhas Norte e Sul e o aumento das linhas troncais e do Rincão da Madalena, o que irá representar um incremento de 80% da oferta. A tabela, com os horários das linhas colegial, pode ser acessado no site bit.ly/3I11WlE.

O prefeito Luiz Zaffalon destacou a importância do Procoletivo, que tem como função solucionar um problema que tem mobilizado gestores públicos em todo o Brasil, pois trata-se de um serviço público essencial para a nossa sociedade. Além disso, desde sua implementação, o programa já vem apresentando resultados muito positivos, beneficiando tanto os usuários do sistema, com a redução do preço das passagens e melhora na qualidade do transporte público quanto os empregadores que estão desonerando suas folhas de pagamento e abrindo espaço para melhorias em suas atividades.
“Trata-se de um círculo virtuoso. Já baixamos o preço da passagem, estamos ampliando a oferta de linhas e gerando novos pontos de trabalho em Gravataí.

Entretanto, a participação da sociedade é muito importante para o sucesso do programa, pois quanto mais pessoas utilizarem o transporte público, mais serão as melhorias. Então, reforçamos nosso pedido para que os empresários forneçam o bilhete eletrônico aos seus funcionários. Neste projeto social, todos ganham”, ressaltou Zaffa.

Resultados positivos

De acordo com o secretário municipal de Mobilidade Urbana (Semurb), Guilherme Ósio, os resultados da primeira etapa, denominada como Fase de Equilíbrio Econômico Financeiro – Redução da Tarifa, foram extremamente positivos. “Em janeiro, – período em que há menor procura pelo transporte coletivo – alcançamos resultados semelhantes ao mês de dezembro de 2021. Além disso, elevamos o índice de passageiros por quilômetro (IPK) em 30%, passando de 1,03 para 1,27, o que representa uma redução da tarifa técnica de R$ 4,80 para R$ 4,20. Vale ressaltar que, antes dos aportes para o transporte público, o valor técnico era ainda maior, superando os 7 reais”, explicou Guilherme.

Além de aumentar a oferta de linhas, o Procoletivo, também, vem proporcionando resultados positivos para a economia municipal. Junto com este incremento, estarão sendo contratados novos 50 colaboradores para atuar nas mais diversas funções, como motoristas, profissionais da logística e manutenção. Já para atender a demanda de usuários prevista, serão adicionados cerca de 15 novos veículos para a frota atual.

Após implementar todas estas medidas, ao final desta segunda fase, está previsto o aumento de 65% na média de quilômetros rodados durante o mês, passando dos atuais 210 mil para 346 mil. Com isso, será iniciada a terceira etapa do Procoletivo, intitulada como fase de Qualificação e Melhorias no Sistema.
Este período será destinado para as melhorias e qualificação do transporte público, com a aquisição de novos ônibus, acréscimo de veículos com ar-condicionado e melhorias gerais no sistema de transporte público urbano.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Publicidade