FURG aparece ao lado de outras cinco instituições de ensino superior do Estado em ranking mundial

O Center for World University Ranking (CWUR) – instituição que se dedica ao levantamento global sobre a qualidade de instituições de ensino superior – publicou nesta última segunda-feira, 25, o seu mais recente ranking, referente ao período 2022-2023. A FURG figura ao lado de outras cinco universidades do Rio Grande do Sul, subindo doze posições em relação à edição anterior, ocupando a posição de número 1.678.
O ranking avalia indicadores baseados na qualidade da educação (número de egressos que receberam prêmios de alto nível), a empregabilidade dos graduados (número de egressos que possuem posições de destaque em grandes empresas), a qualidade do corpo docente (número de professores que receberam prêmios de alto nível) e o desempenho em pesquisas (produção de pesquisa, publicações de alta qualidade, influência e citações).
De acordo com o secretário de Relações Internacionais da FURG, Milton Asmus, o ranking representa um indicador muito importante para a FURG. “Partindo do princípio de que são averiguadas informações de milhares de universidades, termos ficado entre as 2 mil primeiras na lista é, na verdade, um destaque muito grande”, explicou o professor.
Ainda segundo o secretário, essas agências apuram seus indicadores com base em informações públicas. “Eles acessam revistas, relatórios e outros documentos disponíveis na rede, e a partir disso, fazem uma triagem e quantificam os dados. Embora possam existir incongruências na apuração, ou informações não computadas, a princípio, são dados que correspondem à realidade”, adicionou Milton.
Por fim, Milton informa que a Secretaria de Relações Internacionais da FURG (Reinter), vem realizando um grande esforço para catalogar e esclarecer o procedimento metodológico dessa e de outras agências que promovem esse tipo de documento para que seja possível obter ainda mais clareza acerca dos aspectos inerentes aos indicadores envolvidos. “A partir desse estudo, a universidade poderá desenvolver algumas políticas na intenção de melhorar sua performance e, por consequência, sua posição nestes rankings”, concluiu.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Publicidade