Fiscalização alerta para necessidade de obediência aos decretos

A Coordenadora da Fiscalização da Secretaria Geral de Governo Planejamento e gestão, referindo-se às mais recentes medidas decretadas pelo governo do Estado que define a cogestão com os municípios, alerta a população de que “apesar de estarmos com a classificação de bandeira preta com cogestão de bandeira vermelha, o qual permitiu a abertura de vários estabelecimentos desta cidade, alertamos que os casos de Covid continuam aumentando”.
SITUAÇÃO PREOCUPANTE
Taciana Beluco disse que é bem preocupante ver o hospital lotado. “Então pedimos encarecidamente que a população se cuide e siga as regras determinadas de forma que consigamos reduzir os casos, bem como, estarmos todos com saúde quando nos for permitida a vacinação”.
FESTAS CLANDESTINAS
Destaca também Taciana que a fiscalização tem atendido muitos casos de festas clandestinas onde existe muita aglomeração e disseminação da doença por consequência. “Então é outra situação que a população deve se conscientizar e ajudar uns aos outros de maneira que não façam festas neste período, até porque estão totalmente proibidas”.
Foram feitas fiscalizações, em geral, há o cumprimento, mas em caso de não haver, a fiscalização bem como vigilância sanitária, vão até o local e tomam as devidas providências orientando, dando termo de ciência ou até multa se for o caso, enfim, cumprindo o que preconiza a legislação, ou seja, os decretos municipais e estadual de prevenção e enfrentamento ao Covid-19.
TRABALHO CONSTANTE
O trabalho está sendo feito diuturnamente pelos fiscais. Taciana Beluco afirma que essa fiscalização acontece mais no centro da cidade, lotéricas, mercados, bancos, nas aglomerações na ERS-030, que ainda acontecem. Também temos trabalhado intensamente, na Lagoa dos Barros, para que não haja aglomerações, principalmente nos finais de semana, com acampamentos, pescas, etc. A maioria dos atendimentos feitos a partir de denúncias, contam com a ajuda da BM, do Corpo de bombeiros, da Polícia Civil e também da Polícia Rodoviária Estadual.
AGLOMERAÇÃO NA LAGOA
A propósito: o prefeito Rodrigo Massulo disse esta semana no programa Estúdio Aberto, da Rádio Itapuí, ao abordar a situação da Lagoa dos Barros, que a fiscalização constatou novamente aglomerações, pessoas em barracas, mas que foram orientadas a deixarem o local.
CARTAZES DE ORIENTAÇÃO
Com a orientação do novo decreto estadual é importante a colocação de cartazes na frente dos estabelecimentos, conforme preconiza o decreto de forma a orientar as pessoas do horário de funcionamento, a modalidade de atendimento a ser seguida e o horário de atendimentos preferenciais.
RECOMENDAÇÕES
A coordenadora da fiscalização reforça a recomendação à população: “Nos ajude principalmente, ficando em casa e cumprindo as orientações dos órgãos públicos e das leis em vigor, pois estamos numa situação de calamidade pública, com hospitais lotados, então é hora da população se conscientizar que não é brincadeira, que muitas pessoas estão morrendo, deixando entes queridos, filhos, pais, tios, avós. Então é hora de se cuidarem.”

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Publicidade