Distância que aproxima: docente é destaque na dedicação educacional no Senac Gravataí

O papel do professor no ensino EAD tem como, além de mediar, criar situações didáticas que satisfaçam as necessidades e interesses dos alunos, mobilizando-os a lidarem com projetos e situações de aprendizagem em ambientes virtuais. Segundo o estudo da Pearson, o “Global Learner Survey”, publicado em agosto de 2020, 90% dos entrevistados acreditam que a aprendizagem on-line veio para ficar e fará parte da realidade dos estudantes dos três níveis – fundamental, médio e superior – pelos próximos anos.

Para isso é necessário repensar o formato de ensino e, nesse contexto, os docentes e alunos acostumados com o ensino presencial vão precisar se adaptar, além das adaptações já feitas desde o início da pandemia.
No Senac Gravataí, a docente Camila Corcini é um exemplo dessa dedicação e de ideias inovadoras. Considerada um destaque por se reinventar com as aulas em formato on-line, a professora da turma de Aprendizagem mostra que é possível estar perto mesmo estando longe fisicamente.

Com a ajuda da conectividade facilitada entre alunos e professores, a mediação e autonomia do docente se mostra ainda mais essencial para o controle das aulas e o bom desenvolvimento dos estudantes.
Camila conta como pensou na mudança presencial – virtual em meio à pandemia e afirma que o principal é pensar no conjunto dos alunos, em cada um como um ser único e individual que precisa também ser considerado com suas dificuldades e limitações: “Levar o trabalho para casa nos aproximou para conhecer a intimidade do aluno, e ele de conhecer a nossa. É preciso lembrar que não é apenas o aluno que está do outro lado da tela nos assistindo, mas sim todo o seu ambiente familiar, que também participa dessa nova etapa contribuindo para a sua evolução. Habilidades foram aperfeiçoadas e a empatia foi ainda mais utilizada neste momento de pandemia. Pensar que, apesar dos jovens estarem inseridos no mundo tecnológico, também existem alunos com realidades distintas e que não possuem internet disponível para os estudos: aí entra o professor, criando novas possibilidades para esses alunos, pois ninguém pode ser deixado para trás.”, comenta a docente.

A aluna da turma de Aprendizagem Comercial em Serviços Administrativos com o comando da professora Camila, Maria Linna de Oliveira Martins, reforça a sua importância no aprendizado on-line e reitera a preocupação da docente em não excluir nenhum aluno. “A professora Camila contribuiu muito para a adaptação de todos e foi muito compreensiva com aqueles que não tinham todos os equipamentos necessários para o ensino a distância, ou até com aqueles que tinham mas não entendiam muito sobre a tecnologia ou não tinham uma internet mais rápida. Ela era incrível, disponibilizava as aulas e explicava mais de uma vez se fosse necessário; não descansava enquanto a gente não compreendesse tudo.”

Maria Linna também ressalta o alto grau de empatia de Camila com os colegas e elogia: “O que eu mais gosto nela é a empatia que ela tem com todos! Ela entende que nem todos têm o mesmo nível de aprendizado, que alguns têm mais dificuldades que outros e ensina para cada um da forma necessária para a compreensão”, afirma a estudante.

O Programa de Aprendizagem Profissional Comercial faz parte do Programa Senac de Gratuidade (PSG). Ele atende aos dispositivos da Lei da Aprendizagem (Lei 10.097/2000) e diferentes normativas que tratam da obrigatoriedade de as empresas contratarem jovens aprendizes. A capacitação contempla um conjunto de ocupações, propiciando aos aprendizes competências voltadas à profissionalização e à cidadania, a partir da compreensão das características do mundo do trabalho e de seus fundamentos técnico-científicos.

Mais informações podem ser obtidas no site da escola www.senacrs.com.br/gravatai ou através do WhatsApp (51) 98594-1417.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Nosso canal no WhatsApp
Publicidade