Carlos Eduardo Ruschel se destaca no Transcatarina e vai ao pódio

Foram quatro dias de disputas intensas em uma prova completa. Balaios, pegadinhas, diferentes médias de velocidade e visuais incríveis marcaram a disputa do rally de regularidade no 14º Transcatarina, um dos principais eventos off-road do país. Mais uma vez, a disputa contou com duplas de várias regiões do Brasil, sempre com nível técnico elevado e uma briga pelos lugares no pódio final que se estendeu até o último quilômetro.

E Gravataí esteve entre os melhores da competição. O piloto Carlos Eduardo Ruschel (que competiu ao lado do navegador caxiense Alexandre Rech), terminou a prova na sétima posição da categoria Graduado.

O 14ª Transcatarina começou na quarta-feira (6/7) em Fraiburgo, com um prólogo em uma pista especialmente construída para a ocasião e um trecho em fazenda de reflorestamento. No dia seguinte, os competidores rumaram a Canoinhas, começando o desafio entre pomares de maçã e novamente atravessando fazendas.

Na sexta-feira foi a vez de seguir para São Bento do Sul, com médias mais elevadas, piso bom e algumas ‘armadilhas’ colocadas pela organização. O percurso até Jaraguá do Sul, no sábado (9/7), guardou a parte mais difícil do desafio, com duas passagens pela Expoama e pelo autódromo de terra de São Bento que exigiram atenção total. A ansiedade pelos resultados permaneceu até o jantar de encerramento, quando então os melhores foram premiados.

“Posso dizer que os pilotos e navegadores que foram ao pódio do Transcatarina provaram ser completos e habilidosos. Fizemos uma prova para exaltar suas qualidades e testá-los, sempre à altura da tradição do evento. E ficamos felizes ao ver que todos gostaram muito desta edição”, resumiu Vander Hirt, o Fritão, diretor-geral do rally.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Publicidade