Vereadores cobram informações sobre o aumento de gastos com CC's na prefeitura | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Vereadores cobram informações sobre o aumento de gastos com CC’s na prefeitura

Vereadores cobram informações sobre o aumento de gastos com CC’s na prefeitura

Na última sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Santo Antônio da Patrulha, ocorrida em 21 de março, os vereadores Rodrigo Massulo e Marcelo Gaúcho levantaram uma preocupante questão acerca do aumento de gastos da Prefeitura com os cargos em comissão, CC’s. Segundo dados oficiais, durante o período de janeiro a abril de 2018, foram gastos R$ 124 mil a mais do que no mesmo período de 2017.
Nos quatro primeiros meses do ano passado, o executivo gastou mais de R$ 592 mil com o pagamento dos CC’s, e neste ano subiu para mais de R$ 716 mil, gerando um aumento de mais de 21% em relação ao ano anterior. Considerando que a situação financeira da prefeitura é crítica, os vereadores querem saber o que faz a prefeitura aumentar o número de cargos, gerando um custo ainda maior para a folha de pagamento do executivo municipal.
Além disso, Marcelo criticou na tribuna a falta de organização da administração para poder economizar através do deslocamento de veículos oficiais. Na semana passada, durante um evento na localidade de São José da Data, cinco carros da prefeitura foram deslocados até lá para o transporte de funcionários. Atualmente, com o valor elevado da gasolina, ações como esta demonstram gastos excessivos e falta de medidas para economizar dinheiro público.  Cabe lembrar que nenhum dos veículos estava lotado e que São José da Data fica a cerca de 30 km de distância da sede do município. “Enquanto isso, a Secretaria de Saúde veta o transporte de pacientes através de carros, utilizando uma linha de ônibus”, lembra Gaúcho.

:: Outras críticas

Durante a sessão, os vereadores do PTB, PP, PSB e SD ainda fizeram um pedido de informações sobre a carga horária do funcionário Denis Rocha, farmacêutico responsável pela farmácia do posto de saúde central, visto que a comunidade vem relatando diversos eventos em que a farmácia não dispunha de atendente técnico responsável no período da manhã.
Outro caso envolvendo o sistema de farmácias da Prefeitura denunciado pelos vereadores das quatro bancadas ressalta que há um CC atendendo o público na farmácia do Postinho de Saúde da Vila Palmeira e outro no Postinho da Agasa, sendo que esse cargo não pode exercer esse tipo de atividade (CC não pode atender atividade fim).
Os vereadores aguardam respostas a esses questionamentos e esperam que essas falhas possam ser corrigidas com urgência para que a comunidade tenha um serviço de qualidade.



A Falcon5M foi criada em Porto Alegre para o Brasil todo a partir da união entre as empresas W5M Comunicação e Falcon Designer, ambas com ampla experiência de 6 anos no mercado.