Tribunal Regional Eleitoral confirma vitória da Folha Patrulhense em ação de direito de resposta movida pela coligação "Experiência para continuar, capacidade para fazer mais" | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Tribunal Regional Eleitoral confirma vitória da Folha Patrulhense em ação de direito de resposta movida pela coligação “Experiência para continuar, capacidade para fazer mais”

Tribunal Regional Eleitoral confirma vitória da Folha Patrulhense em ação de direito de resposta movida pela coligação “Experiência para continuar, capacidade para fazer mais”

A coligação “Experiência para continuar, capacidade para fazer mais” (MDB/PDT/DEM) acionou a justiça eleitoral solicitando um pedido de direito de resposta contra a Folha Patrulhense devido a manchete publicada no dia 01 de outubro, no qual os candidatos a eleição para prefeito aparecem representados por meio de cavalos de corrida, ordenados conforme o número de seus partidos. Por aparecer em último lugar, por se tratar do número 15, que vem depois dos números 13 e 11, a coligação entendeu que de alguma forma o candidato estava sendo prejudicado. Nos requerimentos da ação, pediram que a charge fosse republicada com o candidato de número 15 a frente, em tamanho e localização igual ao da edição daquele dia.
Foi apresentada contestação pelos advogados da Folha Patrulhense, inclusive elucidando que foi oferecida à coligação a possibilidade de um direito de resposta de forma extrajudicial. Entretanto, estes preferiram acionar a justiça eleitoral, o que foi interpretado pela Folha como uma tentativa de intimidação ao nosso trabalho.
Tanto o Ministério Público quanto o juízo da 46ª Zona Eleitoral de Santo Antônio da Patrulha consideraram a ação improcedente, negando o pedido de direito de resposta à coligação. Foi apresentado recurso à sentença, o qual foi remetido ao Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul, tendo o recurso sido negado por unanimidade por esse tribunal.