Começam cirurgias vasculares no Hospital Santa Casa/Santo Antônio | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Começam cirurgias vasculares no Hospital Santa Casa/Santo Antônio

Começam cirurgias vasculares no Hospital Santa Casa/Santo Antônio

O Hospital Santa Casa de Santo Antônio da Patrulha está iniciando o processo de cirurgias vasculares pelo Sistema Único de Saúde, particulares e convênios.
Para tanto, desde dezembro o cirurgião vascular Milton Fedumenti Rossi está atendendo as sextas-feiras à tarde naquela Casa de Saúde, pacientes pelo SUS e também particulares. Isso começa a marcar o início de procedimentos cirúrgicos, desde que a Santa Casa assumiu a gestão do Hospital Santo Antônio no começo do ano passado, vem trabalhando para colocar o bloco cirúrgico e demais setores em pleno funcionamento.
“Estamos atendendo uma média de dez consultas à tarde, mas temos ideia de ampliar o horário, tanto pelo SUS, como particular e convênios a partir de março”, acrescenta.
Milton Rossi explica que é disponibilizado tratamento ambulatorial com espuma para pessoas que têm doenças varicosas com sintomas que exigem necessidade de tratamento. “Trata-se do preenchimento de varizes com essa substância para que elas fiquem obstruídas e deixem de causar sintomas”, relata. Explica o cirurgião que a utilização da espuma consiste na canalização das veias, injetando-se essa substância, o que faz com que elas sequem. “Oferecemos, dessa forma, a oportunidade para um segmento da população que não teria como fazer um tratamento cirúrgico, e assim, com a utilização da espuma, se trata de um procedimento menos invasivo” afirma o médico.
Ao mesmo tempo ele adianta que também se pode oferecer tratamento para pacientes particulares, mais em relação à estética, e esse tipo de procedimento abrange principalmente o público feminino. “É o tratamento das pequenas veias que se tornam uma preocupação estética para as mulheres, mas cujo processo não é coberto pelo SUS. O procedimento é realizado através da escleroterapia para secar os vasinhos”. Tudo é feito em nível ambulatorial.
Após a aplicação, a paciente fica liberada para caminhar e fazer suas atividades do dia a dia. Mas para repousar, recomenda-se que fique com a perna bem elevada para contribuir com a recuperação.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *