SAMU em local mais adequado | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

SAMU em local mais adequado

SAMU em local mais adequado

O SAMU, que existe há 14 anos em Santo Antônio, está em um local com melhores instalações e melhor acessibilidade.
Ao comemorar a transferência, que foi atendimento de pedido da Secretaria Municipal da Saúde, do quarto onde se localizava dentro do Hospital Santo Antônio da Patrulha da Santa Casa de Misericórdia, para uma área anexa, com dependências para cozinha, setor de controle, banheiro e um quarto para pernoite das equipes de trabalho, a coordenadora municipal do SAMU, Enfermeira Camila de Moraes Randazzo, destacou o apoio recebido da administração do hospital na pessoa da diretora técnica dra. Márcia Müller e da coordenadora Rúbia Winhert, além da prefeitura e Câmara de Vereadores. “Era uma reivindicação bastante antiga e agora felizmente estamos em melhores acomodações”, destacou Camila ao agradecer pelo atendimento do pedido para melhor localização.
Inclusive a ambulância fica há poucos metros da porta de saída do novo local, o que permite maior agilização no deslocamento para as chamadas de emergência.
Trabalham no SAMU de Santo Antônio quatro técnicos e quatro condutores cumprindo plantões de 24 por 72 horas.
AS CHAMADAS AO SAMU
Sobre críticas ao SAMU que muitas vezes demora para atender uma ocorrência, Camila explica que os chamados vão diretamente para uma central em Porto Alegre. Há todo um cuidado para evitar trotes, que eram comuns. Havia indivíduos que ligavam para o SAMU pretextando um acidente e quando os socorristas chegavam ao local, nada havia. E para evitar isso, aumentaram os cuidados no acionamento da equipe do município, onde está a ambulância que é chamada de Unidade Básica até o fato para o atendimento.
Os trotes terminavam prejudicando todo o andamento de um trabalho sério e muitas vezes ocorrências reais terminaram demorando para serem atendidas por causa da ação desses indivíduos.