Romaria deve levar 40 mil peregrinos ao Santuário de Nossa Senhora das Lágrimas | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Romaria deve levar 40 mil peregrinos ao Santuário de Nossa Senhora das Lágrimas

Romaria deve levar 40 mil peregrinos ao Santuário de Nossa Senhora das Lágrimas

Uma pedalada vai dar início na terça-feira (18), às 19h30min, oficialmente à programação alusiva à Romaria de Nossa Senhora das Lágrimas, a acontecer este mês, no município de Caraá partindo simultaneamente de Santo Antônio e Osório. Em Santo Antônio ela está sendo organizada pelo Grupo SAPedal. A programação terá seu ponto culminante no dia 28 de fevereiro, data consagrada à Virgem das Lágrimas, sendo esperados durante todo o período das celebrações, ao redor de 40 mil peregrinos, conforme cálculos do pároco, Pe. Nilso Zanella.
Conforme o Padre Nilso Zanella, uma intensa programação deverá se desenrolar nesse perídio, sendo que nos dias 19, 20 e 21, haverá tríduo às 20 horas no santuário; dia 21 missa às 22 horas, no sábado, dia 22, Missas 9h, 10h30min, 15h, 16h30min, 18h, 20h e 22h, sendo esta última, campal. Haverá também shows artísticos.
No domingo, dia 23, missas às 6h, 8h, 10h, 12h e 15h com a presença do bispo diocesano dom Jaime Kohl, quando haverá missa campal, procissão e shows artísticos.
Na terça-feira de Carnaval, missa às 10 horas, quando também haverá batizados. Na quinta-feira, dia 27, missa às 20 horas e no dia 28, às 8 horas a Missa do Milagre e às 10 horas Missa Crioula com Acolhida dos Cavaleiros do Divino Espírito Santo. Às 15 horas, haverá a missa celebrando o Dia da Padroeira do Município.
De acordo com o Padre Zanella, no local será servido almoço No sábado (22), domingo (23) e também no dia 28 será servido almoço no salão da comunidade. Também haverá oportunidade para os peregrinos adquirirem lanches no local.
A ORIGEM DA DEVOÇÃO
Foi em 1522 que a pequena cidade de TrevIglio, no norte da Itália, se viu cercada por um exército inimigo. Mesmo aspirando sempre a paz, seu povo, ante a iminência de atrocidades, foi até à pequena igreja pedir a intercessão da Virgem. A imagem, diante dos devotos, começou a verter lágrimas.
Soldados do exército que pretendia invadir a pequena cidade, viram o fenômeno e chamaram seu comandante que, impressionado ante a visão das Lágrimas, depôs as armas, desistindo da invasão. Essas armas ainda hoje se encontram no Santuário na cidade italiana que originou a devoção. No Santuário em Alto Caraá, há réplica das armas e do capacete utilizados pelo general.
No Brasil, Isidoro Meregalli, que morava na região do Alto Caraá, viu que sua esposa estava desenganada e pediu a cura à Nossa Senhora, prometendo como reconhecimento, construir uma capela com uma imagem da Virgem das Lágrimas. O milagre aconteceu e ele comprimiu a promessa. Sua esposa viveu mais 30 anos. A devoção se espalhou sendo hoje importante centro de peregrinação religiosa com um santuário erigido em Sua homenagem naquela região.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *