Projeto cria Banco de Doação de Material de Construção | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Projeto cria Banco de Doação de Material de Construção

Projeto cria Banco de Doação de Material de Construção

Um projeto visando destinar um local para doação de material de construção está em funcionamento na Secretaria de Assistência Social, junto ao Setor de Habitação. A ideia é de Ana Aparecida Assis de Araújo, estagiária da Secretaria da Gestão e Planejamento, em conjunto com a funcionária da Secretaria de Assistência Social Gisele Rose Modinger, sendo aprovada pelo então titular da Pasta José Carlos dos Santos Oliveira. Um projeto foi encaminhado à Câmara, que o aprovou, sendo transformado na Lei 7.565 de 23 de fevereiro deste ano, criando o Banco Municipal de Materiais de construção. Ambas estiveram na redação da FOLHA PATRULHENSE para anunciar o lançamento oficial do Projeto Reconstruir.
O Banco objetiva proporcionar melhor qualidade de vida à população em situação de vulnerabilidade habitacional, garantindo, por meio do repasse de materiais de construção, condições dignas de moradia, na reforma ou construção de moradia própria, recuperação de moradia em virtude de emergência e/ou calamidade e vulnerabilidade.
As pessoas beneficiadas já fazem parte de cadastro na prefeitura. Conforme Ana, quem quiser contribuir com doações poderão entrar em contato com o Setor da Habitação pelo telefone 3662-8596 com Gisele ou Ana. Para as famílias que estejam em situação de precariedade habitacional, podem se dirigir à Secretaria Municipal da Gestão e do Planejamento para realizar um protocolo de solicitação de materiais de construção e aguardar avaliação da assistente social do Setor.
Junto às madeireiras os proprietários têm visto com muito bons olhos a iniciativa. Existem muitos locais com carências, especialmente de banheiros e de casas com problemas de estrutura.
Ao final do ano – explica Ana – será feita uma prestação de contas das doações para que a comunidade saiba onde os materiais foram empregados.
E quem quiser doar material, podendo ser qualquer pessoa, deve entrar em contato pelo mesmo telefone que será procedido o recolhimento. Pede-se que os materiais a serem doados, estejam em boas condições de uso.



A Falcon5M foi criada em Porto Alegre para o Brasil todo a partir da união entre as empresas W5M Comunicação e Falcon Designer, ambas com ampla experiência de 6 anos no mercado.