Professores contrários ao fechamento de Escolas Estaduais do Campo | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Professores contrários ao fechamento de Escolas Estaduais do Campo

Professores contrários ao fechamento de Escolas Estaduais do Campo

escolas-1 escolas-2

Um encontro realizado na manhã de segunda-feira (19/09) no salão de reuniões do Sindicato dos Trabalhadores Rurais serviu para que professores das Escolas Estaduais do Campo de Santo Antônio, Osório, Maquiné e Tramandaí se manifestassem contrários à intenção do governo do Estado em fechar esses estabelecimentos por razões econômicas, bem como a possibilidade de também fechamento das escolas com menos de 50 alunos.
A reunião promovida pelo Forum Municipal das Escolas do Campo e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Santo Antônio.
Conforme o deputado Zé Nunes (PT), o Estado já começou uma série de iniciativas no sentido de enfraquecimento das escolas do campo, apontando para a vontade explícita de fechamento das mesmas justificando redução de gastos.
“A questão das escolas nas comunidades rurais têm importância por produzir uma Educação voltada aos alunos do campo, com projeto pedagógico de sua permanência naquele meio”, disse o parlamentar.
O presidente da Câmara, Vereador Josemar Bandeira colocou o Legislativo à disposição para a realização, na próxima terça-feira, dia 27 às 18 horas, de audiência pública, estando para tanto, sendo convidados pais e professores para esse evento.

 

CRE nega intenção de fechamento de Escolas do Campo

 

Os rumores sobre possível fechamento de escolas estaduais do campo foram descartados pelo Coordenador Regional de Educação.
Conforme o Professor Gil Davoglio, que telefonou ontem pela manhã (21/09) para a redação da FOLHA PATRULHENSE “não temos intenção de fechar nenhuma escola. O que estamos fazendo por solicitação da SEC, é um levantamento junto às Escolas com a finalidade de serem coletados dados para que iniciemos um 2017 tranquilo”.
Davoglio afirma que qualquer possível alteração será antes discutida com as comunidades para que não haja prejuízo para os alunos.
“Se há escolas com poucos alunos e muitos professores, evidentemente que pode ser feita uma realocação em outros estabelecimentos, mas não existe nada definitivo sobre isso”, tranquiliza o Coordenador lembrando que Santo Antônio é o município com maior número de escolas do campo.



A Falcon5M foi criada em Porto Alegre para o Brasil todo a partir da união entre as empresas W5M Comunicação e Falcon Designer, ambas com ampla experiência de 6 anos no mercado.