Medidas de contenção de gastos dividem opiniões no legislativo | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Medidas de contenção de gastos dividem opiniões no legislativo

Medidas de contenção de gastos dividem opiniões no legislativo

Os vereadores receberam na tarde de segunda-feira (17) a comissão de servidores responsável por implantar as ações para reduzir custos e aumentar a receita do Executivo de Santo Antônio da Patrulha nos próximos meses. Por quase uma hora, os parlamentares assistiram a uma apresentação sobre o novo método de gestão e receberam informações sobre metas a serem alcançadas.

Á noite, durante a 29ª reunião ordinária, alguns vereadores se pronunciaram sobre a iniciativa proposta pelo prefeito Paulo Bier (PP). “Espero que seja cortado o que realmente é necessário, como os cargos em comissão; Função Gratificada; horas extras sem necessidade; controle de combustíveis; redução de salários; e não serviços para população”, disse o vereador João Luís Moreira da Silva “Bacana”, Solidariedade.

A bancada do Partido, composta ainda pela vereadora Eronita Andrade, se posicionou contra qualquer proposta de aumento de imposto que possa ingressar na Casa para apreciação do Legislativo. Eles disseram ainda reprovar abusos na fiscalização tributária, como forma de elevar a arrecadação da Prefeitura. “Não vamos aceitar possíveis exageros em cobranças e taxas que incidam no bolso do contribuinte”, afirmaram.

O vereador André Randazzo dos Reis (PMDB) elogiou a formação da comissão, atestando a competência dos servidores escolhidos. Porém, fez ressalvas quanto ao sistema adotado para a redução dos custos da máquina pública e, especialmente com referência a previsão da economia de R$ 2 milhões. Opinião divergente a do vereador Tadeu Neves (PP), que acredita que a Administração está promovendo os ajustes necessários diante de um cenário econômico de instabilidade nacional e estadual.

“Não somos os únicos a adotar medidas como essa. Outros municípios, que tiveram repasses da União e dos governos estaduais reduzidos, também precisaram apertar o cinto e tomar atitudes mais drásticas com referência às contas públicas”, pontuou o vereador.

O pagamento em dia do 13º salário ao funcionalismo público colocou em lados opostos vereadores que integram a base aliada do governo. De um lado Paulo Teles (PTB), alertava para o comprometimento do benefício caso não houvesse um esforço dos dois Poderes e a responsabilidade com o pacote de medidas. Do outro, o vereador André Selistre (PSB), pediu menos alarmismo, enfatizando que a Administração está trabalhando de forma coerente, traçando metas e agindo com responsabilidade com os cidadãos e o Município.



A Falcon5M foi criada em Porto Alegre para o Brasil todo a partir da união entre as empresas W5M Comunicação e Falcon Designer, ambas com ampla experiência de 6 anos no mercado.