Nova ambulância da Samu está operando | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Nova ambulância da Samu está operando

Nova ambulância da Samu está operando

Os serviços de urgência e emergência de Gravataí contam desde onte (20) com um novo reforço: a ambulância zero km, recebida do governo federal, iniciou os atendimentos para a comunidade, somando aos esforços da Prefeitura em prestar serviços de saúde com qualidade e preocupação com o bem-estar da população.
O veículo está equipado como uma Unidade de Suporte Avançado, conhecida como UTI móvel, e agrega-se às outras quatro ambulâncias que prestam Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. Essa é a quinta ambulância do município, três delas em serviço e outras duas em reserva, conforme preconiza o Ministério da Saúde, reforçando o atendimento nos serviços de urgência e emergência na cidade.
O Samu em Gravataí recebe em média 16 solicitações diárias, somando cerca de 500 atendimentos por mês. Os veículos de Gravataí, compostos por equipe de médico, enfermeiro e motorista, também realizam socorros e transportes, em caso de UTI, de pacientes das cidades de Cachoeirinha e Glorinha. Essa unidade é equipada com ventilador pulmonar e monitor cardioversor, podendo ser comparada a uma UTI Móvel pela complexidade dos casos atendidos, sendo possível estabilizar os pacientes em casos mais críticos até a remoção para uma unidade de terapia intensiva.
Segundo o coordenador do setor de Urgência e Emergência da Secretaria Municipal da Saúde, Leonardo Medeiros, a nova ambulância irá se somar às ações hoje já executadas para atender a população. “Todo o sistema de pedidos de socorros da Samu é informatizado. Ao realizar a ligação para o serviço 192, o atendente solicita dados de contato e localização da ocorrência. Após o médico conversar com o solicitante pedindo todas as informações pertinentes para prestar um serviço emergencial de qualidade e que possa contribuir para o salvamento de uma vida, a equipe é acionada para o atendimento”, explica Medeiros. Os serviços da Samu são regulados pelo Estado, que é o responsável pelo encaminhamento das demandas às equipes nas Unidades.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *