Homem persegue e mata ex-mulher | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Homem persegue e mata ex-mulher

Homem persegue e mata ex-mulher

Uma tragédia anunciada. Assim dá para definir as mortes de Maria Elenir de Souza, 45 anos, que foi executada com dois tiros pelo ex-marido, Jorge de Miranda, 53 anos, quando chegava em casa, na noite de segunda-feira, na Vila Natal. Instantes antes ela tinha ido até a delegacia registrar uma ocorrência contra Jorge, que se matou logo após matar a ex.

Às 18h38, Maria tinha ido até a 1ª delegacia de Polícia de Gravataí. Lá registrou mais uma ocorrência contra Jorge, seria a terceira. Dessa vez, por perturbação da tranquilidade. As outras, do dia 3 de março, foi por ameaça e no dia 26 de fevereiro, também foi por ameaça. Pois após sair da delegacia, ela foi para sua casa, na rua Domício de Moraes, Vila Natal.

Por volta das 19h30, Maria abriu o portão de casa para entrar. Nesse momento, um veículo estacionou na frente da casa, na contramão e desceu rapidamente. As chaves ainda na ignição mostravam a pressa do motorista que entrou correndo portão a dentro. Talvez, pelo fato de João ter pedido um carro emprestado a um funcionário, Maria não tenha reconhecido e tenha sido surpreendida pelo algoz. Ele entrou e já com a arma na mão, deu dois tiros na cabeça da ex, que morreu na hora. Em seguida, ela atirou contra a sua própria cabeça, morrendo também no local.

A arma usada no crime estava junto ao corpo dele. O caso vai ser investigado pela delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) que trata o crime como passional. Como o acusado pelo crime também morreu, haverá a extinção da punibilidade, mas mesmo assim haverá um inquérito policial.

11104036_1080997598582662_561754993_n     11160219_1080997541916001_1301982813_n

Texto: Patricia Mello