Dono de farmácia é preso por vender medicamentos sem procedência | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Dono de farmácia é preso por vender medicamentos sem procedência

Dono de farmácia é preso por vender medicamentos sem procedência

Policiais Civis da Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor, Saúde Pública e Propriedade Imaterial (DECON/DEIC), em ação conjunta com o Conselho Regional de Farmácia, prenderam, na manhã desta segunda-feira (10), o proprietário de uma farmárcia por crime contra a saúde pública e relação de consumo, tráfico de drogas e posse irregular de munição, em Gravataí. A ação se deu em cumprimento de mandados de busca e apreensão em três residências, além da fiscalização de duas farmácias, no município de Gravataí. Na residência do preso, os policiais encontraram munição calibre .38 e 9mm intactas, além de anabolizantes e medicamentos, todos sem procedência.
Segundo o delegado Rafael Liedtke, durante as diligências, os agentes constataram diversas irregularidades, sendo localizados e apreendidos anabolizantes e variados tipos de medicamentos. “Alguns dos medicamentos sem procedência apreendidos eram de venda estritamente controlada (tarja preta), cuja comercialização é vinculada à devida retenção de receituário médico”, relatou o delegado. Segundo o diretor de Investigações do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), delegado Sander Cajal, a venda desses medicamentos sem a apresentação da necessária prescrição médica ocasiona sérios riscos a saúde desses consumidores, em especial, a utilização de remédios controlados.