Mutirão de Renegociação de Dívidas será realizado em Novembro | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Mutirão de Renegociação de Dívidas será realizado em Novembro

Mutirão de Renegociação de Dívidas será realizado em Novembro

Datas do projeto foram confirmadas pela assessora jurídica do Procon. | Foto: Rodrigo Cassol/JG

Segunda edição do evento ocorrerá entre os dias 4 e 8, no Fórum de Gravataí. Inscrições para o público geral devem abrir em setembro.

A assessora jurídica do Procon de Gravataí, Daiana Guarizi Gnoatto Keller, confirmou nesta terça-feira que a segunda edição do Mutirão de Renegociação de Dívidas do município será realizada entre os dias 4 e 8 de novembro, no Fórum da cidade. Na oportunidade, vão ocorrer diversas sessões de conciliação de débitos entre clientes e empresas inscritas na ação. O evento, organizado em parceria entre o Procon e o Poder Judiciário de Gravataí, é destinado aos consumidores (pessoas físicas) de Gravataí e de Glorinha que possuírem débitos com as empresas inscritas no Mutirão – que serão conhecidas após o dia 1° de setembro, quando se encerra o período de inscrição para as organizações interessadas em participar do projeto. A estimativa da organização do evento é que as inscrições para o público geral sejam abertas ao longo do mês de setembro. Ambas as adesões ao Mutirão (de empresas e de consumidores) deverão ser realizadas na sala 11 do Fórum do município. 

Na edição passada, ocorrida em março deste ano, cerca de dez empresas participaram das sessões de conciliação. Na oportunidade, as organizações com maior número de atendimentos no Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) do município foram pré-selecionadas pelos organizadores. Nesta edição, a ideia do evento é ampliar este número. “Acrescentamos uma etapa a mais neste Mutirão, que é a inscrição de fornecedores. No momento, já estamos fazendo o convite para que as empresas que possuem pessoas físicas como credores se dirijam até o Fórum de Gravataí, entre os dias 1° de agosto e 1° de setembro, para fazer sua inscrição. É preferível que as instituições interessadas tenham um bom número de credores, para que a gente possa atender o maior número de pessoas possível”, informou Daiana.

Para ela, a data da segunda edição é favorável aos consumidores. “Como o evento vai ser realizado próximo ao final do ano, será uma oportunidade para as pessoas quitarem suas dívidas com o dinheiro do 13° salário. Em razão disso, a gente estima que será possível atingir um bom público”, projetou a assessora jurídica. Entretanto, os organizadores ainda não têm uma estimativa de quantos participantes o evento deverá reunir nesta edição.

“A união de esforços entre os setores da sociedade amplia a gama de atendimentos. Nós já realizamos um trabalho aqui no Procon. Porém, através da parceria com o Fórum, vamos atender um número ainda maior de consumidores, realizando um trabalho mais efetivo”, lembrou Daiana. Já a auxiliar executiva do Procon, Fátima de Lima Moura, classificou o evento como “um carinho feito pelos órgãos envolvidos no projeto aos consumidores que possuem dívidas”.

Sessões de conciliação vão acontecer no Fórum de Gravataí. | Foto: Rodrigo Cassol/ Arquivo/ JG

“Ideia é evitar ilusão dos consumidores”, diz assessora

Após o encerramento das inscrições tanto dos consumidores quanto das organizações, os órgãos públicos do evento vão se reunir com as empresas para ajustar as propostas. “Esta conversa ocorre para que as instituições realmente tragam propostas efetivas e bons descontos para os consumidores, e não para que utilizem o projeto apenas para a divulgação da marca”, explicou Daiana Keller. Segundo a assessora, as negociações durante as sessões de conciliação serão encerradas ao final de cada encontro. “O consumidor não será encaminhado para a empresa. Isso será bem ajustado, para que o cliente não seja iludido”, finalizou. No dia das sessões, as organizações já estarão cientes das dívidas de cada cliente.

Consumidor pode conseguir descontos favoráveis, diz economista

De acordo com o professor de Economia da PUC-RS, Gustavo de Moraes, as feiras de negociações podem oferecer grandes descontos aos consumidores. “Acho que são eventos super válidos, pois as empresas, de um modo geral, já não contam mais com esses valores, chamados de créditos duvidosos. A partir disso, o consumidor poderá conseguir descontos favoráveis”, explicou. 

De acordo com o economista, é importante que os clientes adotem alguns hábitos para evitar a situação de endividamento. “Usar o cartão de crédito somente em caso de necessidade, pois ele permite que sejam feitos gastos expressivos; não comprar parcelado, pois, com o dinheiro total em mãos, cresce o poder de negociação dos clientes e, por fim, criar o hábito de economizar, mesmo que seja com uma quantia pequena”, explicou Moraes.


Serviço:

O que: Segunda edição do Mutirão de Renegociação de Dívidas

Quando: Dias 4 e 8 de novembro de 2019

Onde: Sala 11 do Fórum de Gravataí (Rua Alfredo Soares Pitres, 255 – ao lado do Parcão)

Quem: Pessoas físicas com débitos nas empresas participantes do evento

Como: Inscrições deverão ocorrer em setembro, na sala 11 do Fórum. Interessados terão que comparecer ao local portando documento de identidade, número do CPF e comprovante de residência; inscrições para empresas estarão abertas a partir de 01/08