Município entra com recurso contra a liminar que prevê vacinação contra meningite para todos do grupo de risco em Cachoeirinha | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Município entra com recurso contra a liminar que prevê vacinação contra meningite para todos do grupo de risco em Cachoeirinha

Município entra com recurso contra a liminar que prevê vacinação contra meningite para todos do grupo de risco em Cachoeirinha

Passada uma semana do “surto comunitário” de meningite que atingiu Cachoeirinha, especificamente no bairro Betânia, a Prefeitura de Cachoeirinha entrou com recurso contra a liminar que a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), subseção Cachoeirinha, venceu na justiça, que garantiria vacinas para toda a população da cidade entre 0 e 20 anos.

“O município recorreu da liminar, está agora com o desembargador. Caso eles ganhem o recurso, a liminar está suspensa, mas a ação civil pública continua tramitando”, explica Jeferson Lazzarotto, presidente da Subseção da OAB de Cachoeirinha.

Como o município e o Estado são réus na ação, o prazo de cinco dias para vacinar a todos só começa a contar a partir do dia que o Estado também estiver a par. “O Estado já foi ciado, mas falta juntar nos autos a precatória”, explica Jeferson.

Ele garante que a OAB estará fazendo todas as medidas jurídicas para garantir a vacinação da população de risco. “O papel da Ordem é fazer com que seja cumprida essa decisão. Nós não temos nenhum cunho político-partidário. Essa é uma questão institucional e humanitária”, concluiu.

Sem novos casos

A diretora técnica do Hospital Padre Jeremias, doutora Luciana Reis, garante que não houve nenhum caso novo desde que o 4º caso havia sido confirmado, há mais de uma semana. Esse paciente, que estava internado no hospital, segundo ela, já recebeu alta.

A Secretaria Estadual da Saúde (SES/RS) garantiu que o surto comunitário de meningite, que atingiu o bairro Jardim Betânia, em Cachoeirinha, está controlado, e que não há, neste momento, indícios que recomendem a vacinação de toda a população do município nem dos demais que compõem a Região Metropolitana de Porto Alegre.

Esta foi a posição ouvida pelo prefeito Vicente Pires e os demais prefeitos das cidades integrantes da Granpal (Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Porto Alegre) que estiveram reunidos com o secretário de Estado da Saúde João Gabbardo, o secretário adjunto da pasta Francisco Paz, a diretora do CEVS (Centro Estadual de Vigilância em Saúde/RS) Marilina Bercini e o presidente do COSEMS/RS (Conselho das Secretarias Municipais de Saúde) Marcelo Bósio, na última segunda-feira, 13.