Morte de adolescente na free way | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Morte de adolescente na free way

Morte de adolescente na free way

Polícia Civil indicia médico por homicídio culposo e policial federal por prevaricação

 

O médico Leandro Toledo de Oliveira envolvido no acidente que matou uma adolescente de 15 anos na madrugada de 3 de março no km 31 da free way, foi indiciado hoje (09/04), por homicídio culposo (quando não há intenção de matar) – com qualificadora por dirigir sob efeito de álcool ou outras drogas e também por tripla lesão corporal.

Por sua vez o policial rodoviário federal que atendeu a ocorrência foi indiciado por prevaricação (quando um funcionário público deixa de realizar sua função).  No entendimento do delegado de Polícia, mesmo que não tenha sido feito o teste do bafômetro no local do acidente, nem o exame de sangue no hospital, o relato de testemunhas foi suficiente para indiciar o policial.

Ainda de acordo com o delegado que presidiu o inquérito, o agente policial federal só registrou a ocorrência no dia seis de março à tarde. Já a PRF afirma que o procedimento interno que está para ser concluído, poderá resultar em processo administrativo.



Profissional atuando há 50 anos no jornalismo.