Gestão de Massulo na Presidência da Câmara economiza quase R$ 700 mil | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Gestão de Massulo na Presidência da Câmara economiza quase R$ 700 mil

Gestão de Massulo na Presidência da Câmara economiza quase R$ 700 mil

Ex-presidente da Câmara de Vereadores de Santo Antônio da Patrulha, o vereador Rodrigo Massulo encerrou sua gestão à frente do Legislativo no azul, com sobra de recursos. A Câmara tem direito de usar 7% da Receita Corrente Líquida do município do ano fiscal anterior. “Usamos muito menos que 7% e, ainda assim, fechamos as contas e sobrou dinheiro”, comemora Massulo.
Em dezembro, o vereador, ainda como Presidente, abriu mão do repasse mensal no valor de R$ 350.000,00 para ajudar a Prefeitura e, mesmo assim, sobraram R$ 336.412,02 nos cofres da Câmara no encerramento de sua gestão. A soma do que sobrou e a não utilização do último repasse geraram uma economia de quase R$ 700.000,00, valor que poderá ser usado pela Prefeitura em melhorias na cidade.
O vereador afirma que sua formação acadêmica (em Administração) aliada a um controle eficaz de gastos e a colaboração de todos permitiram esse resultado fantástico.
Os principais momentos da Câmara em 2019 (balanço do ano)
Ao deixar a Presidência da Câmara, cargo que ocupou durante o ano de 2019, o vereador Rodrigo Massulo avaliou positivamente sua gestão, destacando a economia de recurso público e o aumento da transparência no Poder Legislativo.
Ele destaca que no seu primeiro dia como Presidente da Câmara foi instituído horário especial para os meses de verão (janeiro e fevereiro) com o objetivo de economizar. A estimativa de economia foi de R$ 20.000,00 (vales-alimentação de servidores foram suspensos nesse período).
O ex-presidente também ressalta a importância da criação da ‘Comissão Especial de Vereadores para Acompanhamento das Obras de Asfaltamento da Estrada SAP-Caraá’. Ele lembra que a atuação da Câmara em prol da obra foi muito forte: os vereadores se reuniram com o Secretário de Infraestrutura do RS, Juvir Costella, em Porto Alegre, fizeram contatos com a empresa responsável pela obra durante todo o ano e ainda ajudaram a criar uma comissão de moradores patrulhenses com vistas a pressionar o Estado pela continuidade do asfaltamento.
Rodrigo Massulo destaca o papel protagonista que o Poder Legislativo teve para evitar a transferência da Unidade de Distribuição dos Correios para Osório. Ele relembra as reuniões organizadas pela Câmara com vários segmentos: sindicato dos servidores dos Correios, OAB, Executivo, Superintendência da empresa. “Unimos forças e evitamos essa perda para nossa cidade”, disse Massulo.
No quesito transparência, Rodrigo conta que a Câmara criou uma conta no Facebook e no Instagram para aproximar o cidadão do Parlamento – até então, o Poder Legislativo não tinha interação com a sociedade nas mídias digitais. O Vereador ressalta que ainda no começo da sua gestão iniciaram as tratativas para instalação de câmeras no plenário com o objetivo de transmitir as sessões do Legislativo ao vivo e, em 29 de abril, começaram as transmissões ao vivo das sessões pelo Facebook da Câmara.
Outro fato importante que o ex-presidente destaca foi a parceria inédita que a Câmara firmou com a FURG, sem nada de custos para o Poder Legislativo. De forma voluntária, através da universidade e sob a liderança da professora Alini Mariot, os funcionários da Câmara e os vereadores de Santo Antônio passaram a ter aulas de LIBRAS após o horário de expediente. A iniciativa foi parar no jornal Zero Hora e teve repercussão estadual. Em setembro, vereadores e servidores receberam certificado de conclusão do curso, iniciado em 25 de julho e finalizado em 5 de setembro.
A Câmara, disse Massulo, foi fundamental para a retomada do rodeio deste ano. Em 8 de novembro, em reunião no Gabinete do Prefeito, o Legislativo se comprometeu a repassar, em 2020, através de emendas impositivas, 15 mil reais para melhorias na infraestrutura do Parque do Sindicato Rural, em Barro Vermelho.
Para finalizar, o edil destaca uma parceria firmada entre a Câmara de Vereadores e as secretarias de Saúde e Educação, que permitiu a melhoria do ambiente de trabalho do PIM (Programa Primeira Infância Melhor). O local, que fica no subsolo da Câmara, recebeu novo piso, janela, pintura e nova fiação elétrica. A Câmara custeou o piso, tinta, janela, tijolos, tomadas e fiação elétrica. A Secretaria de Saúde entrou com a mão de obra, e a Educação forneceu pincéis, rolos de pintura e um galão de tinta. Ele ainda lembra que, além desta e apesar da economia feita, mais melhorias internas no prédio da Câmara foram realizadas ao longo do ano e novos equipamentos tecnológicos foram adquiridos para melhor atender a população que usa os espaços públicos do Parlamento.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *