MP de Gravataí vai analisar caso de danceteria interditada | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

MP de Gravataí vai analisar caso de danceteria interditada

MP de Gravataí vai analisar caso de danceteria interditada

O Ministério Público (MP) irá investigar o caso de uma casa noturna localizada na parada 61 de Gravataí e que foi interditada na madrugada do último domingo. Segundo a secretária municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Luana Krumberg, relatórios elaborados pela Brigada Militar (BM) e pelo Conselho Tutelar do município serão encaminhados ao MP de Gravataí, que vai apurar se houve descumprimento do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

O caso

Na madrugada do último domingo, uma operação conjunta entre as secretarias municipais de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SMDET) e Assuntos para Segurança Pública (SMASP), Guarda Municipal, BM e Conselho Tutelar interditou a casa noturna Arena Liquid, localizada na parada 61 da Avenida Dorival Cândido Luz de Oliveira, em Gravataí.

Após realizarem a vistoria e verificarem que a documentação do estabelecimento estava em dia, os fiscais constataram a presença de 58 menores no local. Os adolescentes foram orientados pelos conselheiros tutelares e encaminhados aos responsáveis.

De acordo com a titular da SMDET, a casa noturna é reincidente nesse tipo de infração. “Ações são realizadas periodicamente no município para inibir este tipo de infração, que proíbe a entrada de menores nestes tipos de festas. Aproveitamos, também, para vistoriar o local e verificar a documentação”, destacou Luana. Questionada sobre o caso, a casa noturna não se manifestou.