PEGUE, LEIA, E DEVOLVA… | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

PEGUE, LEIA, E DEVOLVA…

PEGUE, LEIA, E DEVOLVA…

Espaços do projeto, que disponibiliza livros de forma gratuita, ficam na Prime RH e Padaria Skypão

A primeira Biblioteca Livre de Gravataí saiu do papel e está em pleno funcionamento. Trata-se de um projeto inspirado em outros já existentes em outras cidades do País, com a intenção é espalhar cultura para quem nem sempre tem acesso.

Um espaço é disponibilizado, onde, como o nome diz, é de livre acesso. Não são utilizadas carteirinhas, termos de adesão ou qualquer outro comprovante. O leito leva o livro, lê, empresta e doa seus livros sem burocracia. Para que tudo isso, o projeto conta com o auxílio dos leitores. Doando aquele livro que está esquecido na sua estante, que já leu ou não lerá mais. Esta atitude pode mudar a vida de alguém na outra ponta do processo, que vai pegar o livro doado e repassar. Continuando o ciclo.

A Biblioteca está funcionando, e muito bem, desde fevereiro, mas está procurando novos pontos de troca. Uma parceria foi fechada, para pontos de coleta, com a Padaria Skypão, na parada 103, onde a população poderá deixar os livros para doação ou pegar novos exemplares. A Primer RH foi a primeira parceira, e conta com uma estante de livros em sua recepção, onde a troca e doação podem ser realizadas. Em porto alegre, caixas de coleta também serão instaladas, no Pólo da Unip, e na escola de idiomas Yázigi da Boa Vista, fortalecendo e expandindo o conceito de biblioteca livre.

A Biblioteca tem livre acesso, mas para a boa utilização do serviço e manutenção do projeto, algumas regras essenciais devem ser seguidas:

1 – Leve o livro para onde quiser, durante o tempo que achar necessário

2- Cuide dele. Depois de ler, devolva.

3 – Este livro não deve pertencer a ninguém, faça com que o maior número de pessoas leia-o;

4- Se ele estiver em uma prateleira particular, leve-o, leia-o, e passe-o adiante, ou devolva à Biblioteca Livre.

5- Sempre que puder, doe um livro para a Biblioteca.

6- Divulgue esse projeto de cultura gratuita.

 

#O inspirado e a inspiração

A ideia de trazer o projeto para Gravataí foi do estudante de serviço social Peterson Rodrigues. Ele se inspirou no Bibliopote, de Curitiba, e BookShop Lavras Novas, que conheceu em Minas Gerais. Outros projetos semelhantes existentes em outras cidades do país também serviram de exemplo, e as dicas do blog Bibliotecas do Brasil também foram fundamentais. “Muito obrigado pelas doações! Todos os dias estamos recebendo novos colaboradores para nossa biblioteca, venha você também, doe ou leve um livro pra casa. A sua participação é que faz o projeto valer a pena”, destacou Peterson.

A Biblioteca Livre Pote de Mel (Bibliopote) é uma biblioteca que funciona em uma panificadora em Curitiba. A Panificadora Pote de Mel abriga – sobre e dentro de duas geladeiras desativadas – livros que podem ser tomados emprestados por qualquer um, a qualquer momento.Não é preciso cadastro, carteirinha ou mesmo avisar um funcionário. Não há prazo de devolução ou qualquer tipo de cobrança nesse sentido. Você devolve o livro quando quer, assumindo o compromisso de que fará isso.

 

#Tem um cantinho aí?

Partindo do princípio que a Biblioteca é Livre e pertence a todos, os organizadores do projeto convidam mais instituições (publicas ou privadas) para fazer parte dessa corrente de incentivo a leitura. Neste caso, a instituição cederia um espaço para a instalação de novas Bibliotecas Livres, ou servir como ponto de coleta das doações. O espaço utilizado é mínimo, mas a diferença que fará na sociedade é enorme. Interessados podem entrar em contato pela página no facebook.com/bibliotecalivregravatai. Todo o apoio para implementação do projeto é prestado pelos organizadores.

Texto: Filipe Foschiera