Presos suspeitos de matar e incendiar homem na Vila Canarinho | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Presos suspeitos de matar e incendiar homem na Vila Canarinho

Presos suspeitos de matar e incendiar homem na Vila Canarinho

Na manhã da ultima sexta feira, agentes da 2ª Delegacia de Polícia de Cachoeirinha realizaram uma operação no município, onde foram cumpridos três mandados de busca e apreensão e três mandados de prisão preventiva.

Foram presos, Emerson da Silva Kovaski, e Gian Guilherme Almada David, acusados de participar do crime de homicídio de Luís Fernando dos Santos Júnior em 14 de março de 2015. O outro procurado, Wagner Gonçalves Meneses, não foi localizado no momento da ação pelos policiais civis. O mesmo foi encontrado horas depois por policiais do 26º Batalhão da Brigada Militar, e também foi preso.

Durantes as buscas, os agentes encontraram na casa de Emerson, uma pistola calibre 380, com a numeração raspada. Gian confirmou aos policiais que aquela era a arma que teria sido usada no assassinato de Luís Fernando.

Crime bárbaro

O crime chama a atenção pela brutalidade, na ocasião, a vítima foi amarrada e executada com um tiro na nuca. Logo após o disparo, os criminosos levaram Luís Fernando já sem vida até os fundos da casa do mesmo, e em seguida atearam fogo no corpo, deixando os restos mortais em um Beco na Vila Canarinho em Cachoeirinha.

Confissão

Gian e Wagner teriam confessado e afirmaram serem responsáveis por amarrar e carregar o corpo da vítima, queimando-o logo após. Segundo os réus confessos, Emerson foi o autor do disparo que atingiu a cabeça da vítima. Emerson negou participação no crime. A vítima não possuía antecedentes criminais. Conforme apurado nas investigações, o crime foi motivado por questões patrimoniais