Patrulha Comercial trará segurança para os comerciantes de Cachoeirinha | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Patrulha Comercial trará segurança para os comerciantes de Cachoeirinha

Patrulha Comercial trará segurança para os comerciantes de Cachoeirinha

Na noite da última quinta-feira, 19, mais de setenta moradores das ruas Manoel Gonçalves Junior, Curitiba, Santa Catarina e Minas Gerais, do bairro Fátima, se reuniram para um debate entre a Brigada Militar, sociedade civil, Associação Comercial de Cachoeirinha e Guarda Municipal.

A atividade foi iniciativa da vereadora Jack Ritter (PSB) e Rubens Otavio (PTB), com objetivo de ouvir as deficiências na área da segurança pública principalmente entre os comerciantes da região. O alto índices de assaltos diários no comércio local estava fazendo com que os moradores fechassem suas portas mais cedo ou ainda tomassem outras medidas de segurança como grades e segurança privada.

Prevenção

Conforme a vereadora Jack Ritter, a ideia é fazer com que novas ações sejam tomadas como medida de prevenção contra os crimes. Para isso, a parlamentar foi até o comando da Brigada Militar propor o encontro entre sociedade e corporação. “Fomos recebidos com muita atenção e quando solicitamos essa reunião, fomos prontamente atendidos”, afirma Jack. Para o vereador Rubens Otavio (PTB), morador da região, essa é a maneira correta de estabelecer o diálogo entre cidadão e as forças de segurança. “Estamos unidos, de maneira apartidária, para sanar os problemas dos moradores”, garante o parlamentar.

Após exporem suas preocupações, os moradores ouviram o representante do comando da Brigada Militar, capitão Dery,  bem como o secretário municipal de segurança, João Paulo Martins, que propuseram a criação da Patrulha Comercial. “Nossa missão é sempre proteger o cidadão e atividades como essa, nos aproximam das pessoas e dessa forma, podemos reconhecer os problemas de segurança nos bairros”, destaca o capitão da Brigada Militar.

Patrulha

A Patrulha Comercial, bem como a presença do motorhome do batalhão, uma vez por semana em cada bairro, deverá inibir e coagir a presença de pessoas suspeitas e atitudes ameaçadoras. Essas duas ações terão início já na próxima semana em caráter experimental, pois conforme o comando do batalhão, alguns ajustes de efetivo terão que ser realizados para garantir o pleno andamento do projeto.

Os parlamentares também firmaram novos compromissos com a sociedade. Conforme os vereadores, mais reuniões a exemplo desta, deverão acontecer em outros bairros. “A interlocução entre sociedade, poder público e demais autarquias completa o bom ciclo político em que deve ser pautada a nova política. Sem beneficiar um ou outro grupo de interesse pessoal do vereador. Por isso, eu e meu colega Rubens, nos unimos e outros colegas poderão se juntar a nós. Pois é esse o nosso real dever. Trabalhar para todos”, garante Jack, que na próxima semana levará ao Ministério Público um documento solicitando o aumento de efetivo na cidade. O documento será assinado pelos dois parlamentares e representantes da Associação Comercial de Cachoeirinha (ACC).

Funcionamento

A Patrulha Comercial fará uma ronda diária em sete bairros onde o índice de criminalidade é maior. Funcionará de segunda a sábado, onde o policial destinado a fazê-la, não só percorrerá o bairro, como também terá a preocupação de sair da viatura e conversar com comerciantes e moradores. Já o motor home ficara fixo em um local, uma vez na semana, nos bairros elencados, para acolher denúncias e fiscalizar atividades suspeitas.