Obras ampliam altura de viadutos na Freeway | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Obras ampliam altura de viadutos na Freeway

Obras ampliam altura  de viadutos na Freeway

Além das obras para a construção de cinco novos acessos entre Cachoeirinha e Osório, quem trafega por esse trecho da Freeway, BR 290, percebe outras movimentações sob os viadutos da rodovia. Isso porque a CCR ViaSul trabalha, desde julho, no alteamento das estruturas, intervenção prevista para adequar as obras de arte ao gabarito rodoviário do Dnit, que determina altura de 5,5 metros. Entre outros aspectos, esse ajuste facilitará a passagem de cegonheiras e caminhões com excesso de altura, por exemplo.

Para que o vão livre entre a laje superior das plataformas e o pavimento da rodovia tenha essa metragem, a concessionária fará o levantamento de cinco viadutos para a reconstrução dos seus pilares de apoio. Os serviços acontecem nos locais que já recebem as obras das novas alças: km 4,8 – Osório (viaduto da RSC 101); km 32,1 – Santo Antônio da Patrulha (viaduto Estrada Chico Loma); km 80 – Gravataí (viaduto rua Jorge Tadeu) e km 83,6 – Cachoeirinha (viaduto av. Papa João XXIII). No km 62,6 (viaduto Estrada Barro Vermelho), também em Gravataí, os trabalhos ainda não iniciaram.

Os alteamentos serão feitos por meio de macacos hidráulicos e, conforme a plataforma for erguida, serão implantados apoios metálicos para suportar a mesma enquanto os pilares são reconstruídos (entre 20 e 50 centímetros, aproximadamente). Atualmente, está sendo feito o reforço dos três pilares de cada estrutura para posicionamento dos macacos de alteamento, e as intervenções acontecem simultaneamente nos quatro viadutos. Ao alcançar a altura desejada, a plataforma da estrutura será assentada novamente nos novos pilares, sendo realizados, ainda, complementos no pavimento do viaduto para adequar a estrutura num todo.

Os trabalhos de alteamento têm conclusão prevista para fevereiro do próximo ano e a CCR ViaSul recomenda aos usuários que redobrem a atenção e respeitem a sinalização nesses locais uma vez que, com o avanço das obras, serão necessários bloqueios de faixa.