Moradores tentam evitar o fechamento do Posto de Saúde da Vila City | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Moradores tentam evitar o fechamento do Posto de Saúde da Vila City

Moradores tentam evitar o fechamento do Posto de Saúde da Vila City

por Dijair Brilhantes

Na tarde de ontem, 5, um grupo de pouco mais de 20 moradores do Bairro Vila City foi até a Câmara de Vereadores para uma reunião com representantes do poder legislativo. A visita serviu para o grupo entregar um abaixo assinado com cerca de 1800 assinaturas reivindicando o não fechamento da Unidade Básica de Saúde da Vila City. O assunto já foi matéria no Correio de Cachoeirinha no dia 17 de abril, na edição 555. Estiveram presentes a vereadora Rosane Lipert (PT), que mediou a conversa, os vereadores Deoclécio Melo (Solidariedade), e Antônio Teixeira (PSB), além dos assessores dos vereadores Marco Barbosa (PSB) e Irani Teixeira (PC do B).

“Estou aqui como um dos representantes da comunidade, não tenho envolvimento político algum, mas o posto de saúde atende muita gente no bairro”, disse Adolfo Colvra Guillem, 70 anos, 45 deles morador da Vila City.

A vereadora Rosane Lipert, lamentou a ausência do secretário de saúde Amir Selaimen da Costa. “Eu havia marcado com ele para que ele comparecesse nesta reunião e desse uma explicação para a comunidade, mas no final da manhã a secretária de governo me ligou avisando que ele não viria, por ordens do prefeito”, falou a vereadora.

Participaram da reunião a vereadora Rosane Lipert (PT), que mediou a conversa, os vereadores Deoclécio Melo (Solidariedade), e Antônio Teixeira (PSB), além dos assessores dos vereadores Marco Barbosa (PSB) e Irani Teixeira (PC do B). (Fotos: Dijair Brilhantes)

Participaram da reunião a vereadora Rosane Lipert (PT), que mediou a conversa, os vereadores Deoclécio Melo (Solidariedade), e Antônio Teixeira (PSB), além dos assessores dos vereadores Marco Barbosa (PSB) e Irani Teixeira (PC do B). (Fotos: Dijair Brilhantes)

União

A mobilização da comunidade foi exaltada pelo vereador Antônio Teixeira. “Este abaixo assinado é importante, pois mostra o quanto a comunidade está unida em torno da causa e a comissão aqui hoje presente é muito representativa”, advertiu Teixeira.

O vereador do Solidariedade Deoclécio Melo diz que a comunidade está no caminho certo. “O caminho é esse, vamos continuar lutando, o posto de saúde deixará de atender mais de mil pessoas”, falou Deoclécio. “Quem tomou a frente e optou por esse caminho foi o secretário, o prefeito está de férias”, acrescentou.

Roberto Antunes, que esteve na reunião representando o vereador Irani Teixeira (PC do B), diz que o próprio secretário falou ao vereador comunista que a unidade de saúde seria fechada. “O vereador Irani ouviu da voz do próprio secretário que o posto irá fechar”, argumentou o assessor. “O não fechamento não depende só da Rosane, do Irani, do Antônio Teixeira, depende de cada um de nós”, completou.

A vereadora Rosane Lipert lembrou que se for preciso em última instância ela entrará com uma ação no ministério público. “Temos que ouvir o executivo, mas se eles proíbem o secretário de falar fica difícil, temos que bater em todas as portas”, completou Rosane.