Justiça nega pedido de prisão preventiva | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Justiça nega pedido de prisão preventiva

Justiça nega pedido de prisão preventiva

por Caroline Weigel

Após a Delegacia entrar com pedido de prisão preventiva para Santina Silveira, acusada de praticar maus tratos contra as crianças na creche Baby Disney, a justiça negou o pedido. “Não foi nenhuma surpresa, pois estamos no Brasil, onde nada acontece”, disse a mãe de uma das crianças, Liliane Pappen.

“Como mãe, me sinto ainda mais responsável pelos meus filhos, pois se tem alguém que pode fazer alguma coisa por eles, essa pessoa sou eu, já que a justiça é falha”, ressalta, triste, a mãe. “É uma pena, porque daqui mais uns dias ela vai mudar de endereço e fazer mais vítimas”, completa.

Na parte criminal, segundo Liliane, não há muito o que se possa fazer: somente esperar que o delegado conclua o inquérito, ouça as testemunhas (as professoras) e ai sim, com base nestes depoimentos, embasar melhor o pedido de prisão dela. “Os pais irão entrar pedindo os danos morais”, salienta.

Passeata

Revoltados com o pedido de prisão preventiva negada, os pais organizaram para o próximo sábado, 14, uma Carreata por Justiça, que sairá, às 14h, da Rua Santo Ângelo, percorrerá a Avenida Flores da Cunha, o Parque da Matriz, passando pela rua onde Santina mora, e encerrando no Parcão.

Atitude

A escolinha Felicidade, do Jardim do Bosque, tomou uma atitude após os acontecimentos da Baby Disney. Convocou uma assembleia com os pais para uma reunião, mostrando todo o material da regulamentação da escola.

Além disso, a Felicidade chamou o Conselho Tutelar para falar sobre as medidas protetivas e para ajudar os pais a perceberem os sinais diferentes em casa. “O Conselho Tutelar se coloca à disposição para qualquer escolinha que queira nossa ajuda, já que são medidas construtivas que ajudam no desenvolvimento das crianças”, ressalta Tárciz Laus, conselheira tutelar.

A escolinha Felicidade organizou uma reunião, com a participação de muitos pais para falar sobre a regulamentação da escola e também chamou o Conselho Tutelar para uma palestra sobre medidas protetivas

A escolinha Felicidade organizou uma reunião, com a participação de muitos pais para falar sobre a regulamentação da escola e também chamou o Conselho Tutelar para uma palestra sobre medidas protetivas