Coluna: Política e afins | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Coluna: Política e afins

*Ao que indicam os humores políticos do vereador Antônio Teixeira, nesta terça-feira ele deverá emitir fortes sinais de rompimento político com o prefeito Vicente Pires. Vale lembrar que Teixeira foi o vereador mais votado pelo Partido Socialista Brasileiro e que, naturalmente, tinha tudo para ser uma das expressões da chamada “base” de sustentação da administração municipal “socialista”.

*As pedras no caminho de Teixeira e Vicente Pires começaram a atravancar o andar da parceria de ambos ainda ao tempo em que Antônio presidiu o Poder Legislativo. Nesta condição o parlamentar sempre agiu como magistrado da instituição Câmara de Vereadores. Não aceitou se comportar como mero representante dos interesses do Poder Executivo, embora pertencesse ao “partido do governo”.

*Foi na gestão de Antônio Teixeira, por exemplo, que explodiram as gigantescas manifestações populares de junho de 2013. Por óbvio, parte do movimento de massas foi parar na Câmara de Vereadores, que viveu dias de pressão incomum e intensa. Com a têmpera da idade e a longa experiência no campo da vivência política, o presidente Teixeira soube dialogar exaustivamente com aqueles que saíram às ruas para reivindicar qualidade nos serviços públicos e ética na política.

*A meu juízo, foi equivocada a sua associação ao Poder Executivo que patrocinou subsídio à empresa Stadtbus para “baratear” a passagem no transporte urbano municipal. Uma medida simplista e de ocasião para dar alguma satisfação ao pleito das ruas, que bradava por redução no preço das tarifas.

*Diante da observação de uma administração pífia e quiçá distanciada dos ideais programáticos basilares do PSB, Antônio Teixeira – por certo – não consegue encontrar mais razões para continuar comungando com os rumos do governo municipal.

*Ao contrário do desejo de alguns, o vereador permanece no partido e abre uma trincheira de lutas pela retomada de posturas que expressem os reais fundamentos programáticos do Partido Socialista Brasileiros, que não se resumem a mero projeto de poder.

*Ora, caso a tarefa de pegar o “boi pelos chifres”, como afirma o dito popular, levará Antônio Teixeira vai enfrentar ventos de muitos nós e mar em fúria. Mas, se recuar e ficar no cais a ver navios não saberá da glória dos que sobrevivem às grandes tempestades. Tem caminhos sem volta.  A não ser a tal “volta por cima”.